Número de celular pode ter 10 digitos em SP

Por Felipe Zmoginski, de INFO Online
• sexta, 14 de maio de 2010

SÃO PAULO – A Anatel (Agência Nacional de Telecomunicações) encaminhou um texto para consulta pública que prevê criar novos números de até dez dígitos para celulares em São Paulo.

A ideia, segundo a Anatel, partiu das operadoras móveis que se queixam da escassez de números de celular disponíveis para novas linhas no Brasil e, em especial, no Estado de São Paulo,  localidade do Brasil com mais clientes de telefonia móvel.

De acordo com a agência, há hoje 180 milhões de linhas móveis ativas no Brasil, 45 milhões delas no Estado de São Paulo. Um estudo técnico da Anatel demonstra, ainda, que há milhões de números de celular inutilizados porque o usuário abandona seu celular ou chip GSM mas não cancela oficialmente sua linha.

Com a acelerada expansão do mercado de telefonia móvel, a Anatel teme que faltem números disponíveis para novas linhas dentro de alguns anos.  Atualmente, os celulares têm oito dígitos. As linhas já existentes não seriam afetadas pela mudança.

Novas linhas, no entanto, seriam criadas com dez dígitos. Inicialmente, a regra valeria apenas para linhas paulistas. O texto proposto pela Anatel ainda será submetido a debate que envolverá especialistas em telecomunicações, associações de defesa do consumidor, representantes das teles móveis e do governo.

Não há previsão para a criação de números de celulares de dez dígitos em São Paulo entrar em vigor.

Comentários

///