Brasil será primeiro país a receber o Firefox OS

Por Giovana Penatti, de INFO Online
• quarta, 30 de janeiro de 2013
Giovana Penatti

São Paulo - A Vivo/Telefônica apresentou oficialmente, nesta quarta-feira (30), durante a Campus Party, o Keon, primeiro aparelho com o sistema operacional da Mozilla, o Firefox OS.

Desenhado para ter baixo custo, o Keon usa processador Qualcomm de 1 GHz, oferece 4 GB de armazenamento (expansível via microSD até 32 GB) e tem 512 MB de RAM.

Essa configuração modesta é possível porque o sistema operacional é mais leve que um Android, por exemplo, o que permite ao Keon rodar de forma mais suave e demandar menos força do processador. Além disso, como funciona em apenas três camadas, a bateria de 1.580 mAh, apesar de não ter um valor impressionante de armazenamento, aguenta, em média, 48 horas de uso, segundo Rodrigo Silva-Ramos y Pidal, da diretor da Geeksphone, empresa que desenvolveu o hardware.

>> Veja nossas primeiras impressões do Keon

O Keon não é uma versão final de smartphone com Firefox OS que chegará ao consumidor. O atual dispositivo foi enviado apenas para desenvolvedores, sob o pedido de que criem apps para a Mozilla Store, loja de aplicações da novíssima plataforma.

Segundo Pidal, a Mozilla Store trabalhará com apps criados em HTML 5, o que permitirá que os aplicativos criados para a plataforma rodem em qualquer browser que suporte esta tecnologia.  Além disso, aposta a Mozilla, o HTML 5 sempre contará com mais desenvolvedores que linguagens fechadas. Atualmente, estima-se que existam oito milhões de desenvolvedores no mundo que dominam o HTML 5, contra 100 mil de iOS e 450 mil de Android.

Características - O Firefox OS tem uma interface intuitiva e é simples de mexer. Além disso, por ser uma plataforma aberta tende a atrair desenvolvedores da comunidade Linux e fãs do browser Firefox.  Inicialmente, a ideia da Mozilla é que seu sistema operacional móvel seja utilizado em smartphones intermediários.

Segundo a Mozilla, o primeiro país a receber o smartphone será o Brasil, país visto como um mercado forte para smartphones de baixo custo. Além da Geeksphone, outras fabricantes já demonstraram interesse em produzir aparelhos com o novo sistema móvel.

Ainda não há estimativa de preço para smartphones com o novo OS, mas a tendência é que os Firefox Phones tenham custos intermediários, algo que comece em 600 reais e, nos modelos mais caros, chegue a no máximo 1200 reais.  A chegada do Firefox OS é aguardada para o segundo semestre de 2013 em lojas da Vivo.

Comentários

///