20% das crianças sofrem bullying na internet

• domingo, 11 de agosto de 2013 - 17h06
Reprodução
Cyberbullying

São Paulo - Uma pesquisa feita pela Sociedade Nacional de Prevenção à Crueldade Infantil (NSPCC), no Reino Unido, mostrou que uma em cada cinco crianças diz ter sido vítima de cyberbullying em redes sociais no ano passado. Segundo o jornal The Guardian, as mensagens de bullying trariam ameaças e violência.

Entre as crianças de 11 e 16 anos, 10% disseram sofrer perseguição online todos os dias. Os números se mostraram especialmente alarmantes após o suicídio de uma garota de 14 anos na última semana. Hannah Smith teria sido insultada e recebido instruções de como se matar no site de perguntas e respostas Ask.fm.

A pesquisa, que será completamente divulgada nos próximos meses, mostrou que chantagens, racismo, homofobia e estupro estão entre os principais temas do bullying.

Mais de mil crianças foram ouvidas para o estudo. Para os pesquisadores, o uso de redes sociais como Facebook e Twitter deveria ser mais controlado para crianças até 13 anos.

Últimas notícias de Extras

///

Comentários

///