Fóssil de marsupial gigante é encontrado

Por Paula Rothman, de INFO Online
• quinta, 07 de julho de 2011
Wiki Commons/ abaixo, Australian Museum
Esqueleto de Diprotodon exposto em museu: maior marsupial da Terra e desapareceu há cerca de 50 mil anos

São Paulo – Cientistas encontram o mais completo esqueleto de um animal pré-histórico gigante que habitou a Austrália.

O Diprotodon optatum possuía o tamanho de um rinoceronte, pesava até 3 toneladas, tinha dois metros de altura e 3,5 m de comprimento.

Ele foi descoberto por paleontologistas na Universidade de New South Wales, do Museu de Queensland Museum e da Universidade de  Queensland; um dos ossos de seu braço havia sido achado em 2010.

Parente distante dos wombats (animal similar ao coala), o Diprotodon foi o maior marsupial que já habitou a Terra. Os marsupiais são uma subclasse de animais assim denominados porque as fêmeas carregarem seus filhotes em uma bolsa – como cangurus, coalas...

O Diprotodon foi a última espécie sobrevivente de sua família, e a primeira “besta” pré- histórica descoberta na Austrália. Ninguém sabe ao certo porque, mas há cerca de 50 mil anos ele foi extinto; a caça humana e as mudanças climáticas podem ser culpadas.

Restos de outros animais gigantes, da chamada megafauna australiana, foram encontrados próximos a este esqueleto – incluindo um canguru e um crocodilo gigantes.

 

Reconstrução em museu

Comentários

///