Saiba a diferença entre um curso técnico e uma faculdade de TI

Por Rafael Ferrer, de INFO Online
• segunda, 16 de janeiro de 2012
morgueFile

São Paulo - Assim como em outras profissões, os interessados em atuar profissionalmente na área de TI buscam cursos para aprimorar os seus conhecimentos. A dúvida pode surgir no momento de escolher entre um curso técnico e o superior.

Os dois tipos ensinam as técnicas para atuar na área, porém com duração, enfoque e peso no currículo diferentes. Os cursos técnicos possuem, em média, 1000 horas aula e duram em torno de um ano e meio.

Já a graduação de bacharelado dura cerca de quatro anos e possui 3000 horas aula. Quem optar por curso técnico ou faculdade de TI no atual momento da economia brasileira estará tomando uma boa decisão. Afinal, uma comparação entre oferta e demanda feita pela Brasscom (Associação Brasileira de Empresas de Tecnologia da Informação e Comunicação) mostra que, no Estado de São Paulo, há 13.998 vagas para 10.174 concluintes de cursos de ensino superior no setor de TIC (Tecnologias da Informação e Comunicação).

Segundo a Brasscom, haverá falta de profissionais de TI no mercado nos próximos anos, o que deve puxar os salários desses profissionais para cima e acelerar a carreira dos jovens que se prepararem bem e tiverem talento.

“A escolha por um curso técnico ou superior varia de acordo com o objetivo do profissional”, diz Ozeas Vieira Santana Filho, especialista em tecnologia e desenvolvimento de sistemas do Senac-SP. Para Ozeas, o jovem estudante deve ficar atento às características de cada curso e planejar sua carreira dede cedo.

Comentários

///

Salários

///
Cargo 0-2 anos
Diretor de TI 16.000 - 20.000
Gerente de TI 11.000 - 16.000
Gerente de Projeto 6.000 - 8.500

Whitepapers

///