quarta-feira, 25 de janeiro de 2012 - 18:03

Grupo do Facebook e Twitter muda o Google

Uma equipe formada por desenvolvedores do Facebook, Twitter e MySpace criou um site que modifica a polêmica busca social do Google. E os resultados são bem melhores.

De acordo com o blog Google Operating System, na home page Focus on the User (uma brincadeira com um dos lemas da empresa de Larry Page), qualquer pessoa pode fazer uma pesquisa e ver resultados sociais muito mais relevantes no meio das respostas. Em vez de aparecerem itens do Google+, dados do Facebook e Twitter, por exemplo, são apresentados. Antes que alguém venha acusar os engenheiros de privilegiarem suas próprias redes sociais, o sistema deixa claro que a mudança é feita pelo próprio algoritmo do Google. O código usado no serviço está disponível na página, para acabar com qualquer dúvida.

Parece complicado? Não é. Quando você faz uma busca no endereço http://www.google.com por um termo mais genérico, como movies, serão sugeridos três links sociais na faixa lateral da página. O Focus on the User apenas lê os três e realiza três buscas com esses termos no Google. Depois, insere no lugar os resultados que o próprio Google considera mais relevantes para os três itens. Se o algoritmo achar que o link para o Google+ é mais apropriado, vai sugeri-lo. Mas, como a rede social ainda é pouco citada, dificilmente isso vai acontecer.

Os engenheiros que desenvolveram a ferramenta têm uma fina ironia. Quando você a utiliza, o logo do Google é trocado por outra imagem, que diz “What Google should be” (Como o Google devia ser). É possível usar o serviço de duas maneiras: com uma extensão para Google Chrome ou arrastando um bookmarlet carinhosamente batizado de “Don’t be evil” (outro lema do pessoal de Mountain View) para a barra de favoritos – no último caso, basta fazer uma pesquisa no Google.com e, depois, clicar no botão.

Categorias

Tags

Comentários

///

Fãs

///