sexta-feira, 6 de setembro de 2013 - 19:30

Dia do Sexo: como bloquear site pornô na internet

Conheça extensões e softwares permitem bloquear sites com conteúdo erótico

Conheça extensões e softwares que permitem bloquear sites com conteúdo erótico

O Dia do Sexo (6/9) está acabando, e é hora de voltar a bloquear os sites impróprios para menores. Veja abaixo uma lista com aplicativos, softwares e extensões de browser, que restringem o acesso a páginas com conteúdo sexual, erótico, pornográfico – e outros dos quais é melhor manter as crianças longe.

Um dos mais simples é o Website Blocker, que permite configurar a lista de páginas proibidas apenas inserindo as URLs dos sites a serem travados. O sistema ainda permite configurar horários de restrição. O funcionamento é parecido com o Block Site – que além de bloquear a página escolhida ainda permite redirecionar para outro endereço na internet.

Os dois programas são extensões para o navegador Chrome e podem ser instalados gratuitamente. Como são para o browser, eles ajudam a controlar o acesso tanto no sistema operacional Windows como no do Mac.

Veja como instalar o Website Blocker a partir do Downloads INFO

Saiba como usar o Block Website e baixe no Downloads INFO

O Blok Master é um software que permite não só restringir páginas nos navegadores (Chrome, Internet Explorer e Firefox) como também bloqueia a execução de programas e pendrives. É possível travar o uso de programas de bate papo, por exemplo, bem como evitar a instalação de novos arquivos. O programa é pago (R$ 35 na versão completa) e pode ser testado por dez dias grátis.

O AntiPornNow é específico para sites de conteúdo erótico. Ele é construído sobre uma base de dados que analisa o endereço e o material do site acessado e bloqueia pornografia. Não é preciso configurar os sites que ficarão restritos – o próprio programa se encarrega de verificar o que é sexualmente abusivo. O programa, em versão para Windows, permite dez dias de teste gratuitamente.

O NetDog Porn Filter é outro software que se baseia em algoritmos para selecionar automaticamente o que pode e o que não pode ser acessado. Ele vem com uma lista negra interna de bloqueio. Funciona com Windows e também é pago (US$ 25). Interface precisa de melhoria, porque tem cara de aplicativo antigo (algo perto de MS-DOS e Win95).

Categorias

Tags

Comentários

///
+Comentadas
+Lidas
Últimas