31/10/2013 15h39 - Atualizado em 31/10/2013 20h04

Ford testa sistema que estaciona o carro por controle remoto

, especial para INFO
Divulgação
Ford

Fazer baliza ou parar naquela vaga apertada da garagem, que mal permite abrir a porta do carro, não será mais problema num futuro próximo. A Ford mostrou duas novas tecnologias que prometem facilitar a vida dos motoristas. A primeira é um sistema que permite, usando controle remoto, estacionar o carro à distância, na rua ou em garagens. A segunda manobra e freia automaticamente o automóvel, para evitar colisões ou atropelamento de pedestres. A demonstração das novas tecnologias foi feita no recém-lançado Novo Focus, em evento no campo de provas Ford Futures, em Lommel, na Bélgica. Nesse campo são testadas as inovações criadas pelo fabricante.

Os especialistas da área de pesquisa e engenharia avançada da Ford aproveitaram tecnologias já existentes em veículos da marca, como o sistema de estacionamento automático e a transmissão PowerShift, para desenvolver um protótipo equipado com um sistema de estacionamento totalmente autônomo.

Com sensores ultrassônicos, o dispositivo detecta uma vaga disponível, seja na posição horizontal ou na perpendicular, mesmo com o automóvel em movimento. O motorista sai do carro e ativa um botão no controle remoto. O sistema se encarrega então de estacionar o veículo. Ele controla o volante, o engate de marchas (para frente ou para trás), o acelerador, o freio de pé e o freio de mão. Por segurança, o botão deve ser mantido pressionado, permitindo que a manobra seja interrompida a qualquer tempo. O dispositivo, que pode ser acionado também pelo painel do automóvel, é capaz de localizar vagas a uma velocidade de até 30 km/h.

Entrar ou sair do carro em locais apertados, como em vagas estreitas de prédios ou shoppings, onde é difícil abrir as portas do veículo, é uma das vantagens que o sistema oferece. Basta o motorista pressionar o botão e esperar que o carro entre na vaga ou saia.

Entenda como funciona o sistema neste vídeo: 

A Ford mostrou também a tecnologia para evasão de obstáculos, desenvolvida como parte de um projeto de pesquisa. Dotado de três radares, sensores ultrassônicos e uma câmera que escaneia a pista até 200 metros à frente, o dispositivo é capaz de detectar objetos parados ou em movimento, ou ainda pedestres que estejam na mesma faixa, à frente do veículo. Quando o automóvel se aproxima perigosamente de um obstáculo, o sistema emite alertas. Se o motorista não desviar ou frear a tempo, o dispositivo assume automaticamente a direção e freia o automóvel, para evitar a colisão. Por enquanto, a tecnologia foi testada em velocidades de mais de 60 km/h. Entenda como funciona neste vídeo:

As duas tecnologias estão ainda em fase de testes e só estarão disponíveis aos consumidores num futuro próximo.

Comentários

///
+Comentadas
+Lidas
Últimas